Quinta-feira, 11 de Maio de 2006

Liquid Liquid - Optimo

 

Ok, o feedback aqui ao blog anda muito curtinho, o que pode significar duas coisas, ou ficam extasiados com as faixas de que aqui falamos ao ponto de optarem pelo silêncio, ou então ficam nauseados com as escolhas cá da casa e como tal nem se dignam a abrir a boca. Seja como for, fico satisfeito.
Passando ao tema, que ficou em suspenso desde o último post, vamos então falar dos primórdios da aproximação da música de dança ao alternativo ou vice-versa. Para tal, trago hoje aos meus simpáticos visitantes a compilação da Souljazz, Dance Music From The New York Underground 1978-1982, uma mostra da música de dança mais alternativa que se produziu nessa era em Nova Iorque.
O tema que escolhi para ilustrar tal corrente foi Óptimo dos Liquid Liquid. Uma faixa onde a postura punk, principalmente na voz, se encontra bem presente. No entanto, os princípios da Dance Music moderna, faziam-se já sentir. No tema não encontramos guitarra, e apesar de não parecer que aqui se recorra ao uso de sintetizadores, a estrutura de loop, aparece já patente, na linha de baixo que se repete indefinidamente, como suporte de uma percussão, também na filosofia do “repeat”.
Para mim o tema, não é fascinante, no entanto como marco histórico das aproximações, que a corrente punk fez ao longo dos anos à estética mais dançante, tem o seu valor. Uma prova de que a dança não tem necessariamente de estar associada à “Love Generation”, com os seus hinos ao lado brilhante da vida. Pelo contrário, parece que a música de dança dos nossos dias, já encara esse passado recente com vergonha, procurando agora demarcar-se recorrendo a estas influências retro de carácter vanguardista.
No próximo post, vou falar não sei bem do quê nem para quem. Amanhã está planeada uma incursão do staff do Pérolas a esse evento de perversão e imundice etílica que é a Queimas das Fitas do Porto, portanto, esperam pelo próximo post, para perscrutarem na alma deste vosso amigo as repercussões de tal viagem pelo imaginário académico 05/06. Aquele abraço fraterno.
publicado por astropastor às 00:56
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Alfinete de Peito a 12 de Maio de 2006 às 14:29
Grande som...o gajo tem ar de copos!

Temos dito.


De astropastor a 14 de Maio de 2006 às 20:05
Por acaso tem mesmo ar de borrachão o gajo.


De blacksheep a 15 de Maio de 2006 às 22:00
eu já te tinha avisado que essa compilação era grande cena. :)


Comentar post

..about

música, cinema, publicidade, comunicação, moda, design, política, sociedade...


Create Your Badge

.mix tape

.tags

. todas as tags

.links

++++

.arquivos

.subscrever feeds